Manaus sediará, de amanhã (28) até sexta-feira (30), o 3º Encontro Preparatório para o Fórum Mundial de Ciência 2013, que reunirá cientistas, pesquisadores, especialistas de diversas áreas e representantes do poder público para o evento, que terá como tema ‘Diversidade Tropical e Ciência para o Desenvolvimento’.

O encontro será realizado no Auditório da Ciência do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), na Avenida André Araújo, Aleixo, 2.936. O evento segue a programação das reuniões temáticas em sete capitais, com o objetivo de promover uma ampla discussão nacional para ser levada ao âmbito internacional.

Estão previstos mais quatro reuniões preparatórias, em Salvador, Recife, Porto Alegre e Brasília. As propostas relatadas serão encaminhadas ao Fórum Mundial de Ciência, que será realizado no Rio de Janeiro, de 25 a 26 de novembro de 2013, com o tema ‘Ciência para o Desenvolvimento Global’

A reunião preparatória em Manaus contará com a participação especial do pesquisador e professor da Universidade de Harvard, Edward Osborne Wilson.

Entre os assuntos definidos para o encontro, estão ‘Ciência para o Uso de Recursos Naturais Tropicais’, ‘Educação e Cultura para a Formação de Cientistas e Inovadores nos Trópicos’, ‘Ética e Ciência na Fronteira do Conhecimento’ e ‘Ciência para a Saúde em Regiões Tropicais’.

A Comissão Executiva Nacional do Fórum já realizou dois eventos preparatórios. O primeiro aconteceu na Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), entre os dias 29 e 31 de agosto deste ano, com o tema ‘Ciência para o Desenvolvimento Global - da Educação para a Inovação: Construindo as Bases para a Cidadania e o Desenvolvimento Sustentável’.

O segundo foi realizado na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), entre os dias 29 e 30 de outubro, com o tema ‘Desafios para o Desenvolvimento Científico e Tecnológico nos Trópicos’.

A reunião embrionária ocorreu em 2009, quando o Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), em colaboração com as principais instituições científicas e tecnológicas brasileiras e governos da América Latina e Caribe, deu início a uma série de reuniões com vistas à elaboração de uma estratégia regional do setor de CT&I para as próximas décadas.

Plano regional

O principal resultado desses encontros foi a formalização de uma Declaração Regional sobre o tema, que foi apresentada no décimo aniversário do Fórum Mundial de Ciência - 2009, em Budapeste, Hungria.

O eixo principal dessa declaração é o estabelecimento de um plano estratégico regional que visa à resolução de problemas comuns que afetam esses países e à necessidade de introdução da temática da inclusão social nas políticas nacionais de CT&I.

Essa iniciativa resultou na indicação da cidade do Rio de Janeiro para sediar a edição 2013 do Fórum Mundial de Ciência.

O Fórum é organizado mundialmente pela Academia de Ciências da Hungria, em parceria com a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), o International Council for Science (ICSU), a American Association for the Advancement of Science (AAAS), a Academy of Sciences for the Developing World (TWAS), o European Academies Science Advisory Council (Easac) e a Academia Brasileira de Ciências (ABC).

O evento preparatório em Manaus é organizado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE), Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), ABC e o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia. (Inpa).

A promoção é da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação do Amazonas, (Secti-AM) em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam).

Para atender ao público que não puder comparecer ao evento, o CGEE transmitirá ao vivo as palestras e atividades pela web. A ideia é garantir que pesquisadores, cientistas e profissionais do setor tenham acessos às principais discussões sobre os temas apresentados no encontro de Manaus.
 
Como a China pode financiar o seu crescimento de transporte urbano sustentável?
Os desafios e as soluções para o financiamento sustentáveis os sistemas de transporte urbano na China foi o tema de um seminário recente co-organizado pela GIZ , EMBARQ , Custrec , e SLoCaT , realizada fora de Pequim no início de novembro.
 
Guarujá tem praias com modelo de ocupação sustentável
A cidade de Guarujá, no litoral paulista, desenvolveu um modelo de ocupação sustentável em algumas de suas praias que tem preservado o bioma local e as diversidades nativas da Mata Atlântica.
 
Desastres naturais no Brasil causaram perdas de R$ 15 bilhões, revela Banco Mundial
De acordo com uma recente avaliação, a primeira do tipo feita depois dessas catástrofes, as perdas foram de aproximadamente 15 bilhões de reais.
 
Plásticos misturado em parte do asfalto dá um empurrão para Vancouver se tornar mais verde
Os resíduos de plástico, como sacolas e garrafas de água que são difíceis de reciclar, encontraram uma nova vida no mix de asfalto usado para pavimentar ruas em Vancouver.
 
São Paulo é a 13ª cidade mais inovadora
Uma pesquisa realizada pela Telefónica Digital e Genome divulgou 20 cidades com os ecossistemas mais propícios para inovação, e o Brasil figura na 13ª colocação, com a presença de São Paulo.
 
Um número recorde de hotéis verdes em Copenhagen
O governo dinamarquês e a Prefeitura de Copenhagen aumentam a pressão sobre a indústria hoteleira para se tornar verde em linha com o capital de 2.025 objetivos de carbono neutro, Brochner-Mortensen também acredita que o setor empresarial é uma força
 
Programa piloto de taxi elétrico na Cidade do México.
O compromisso de veículos de emissão zero é apresentado como uma medida importante para melhorar a qualidade do ar da cidade, de saúde e os problemas ambientais que enfrentam os habitantes.
 
Maior fazenda solar de propriedade comunitária do mundo está no Reino Unido
Westmill Solar Cooperativa confirmou a compra da fazenda solar por 16,5 milhões de Libras, localizado fora de Shrivenham na fronteira Wiltshire Oxfordshire.
 
Primeiro minicabs elétricos roll-out em Londres
Londres é configurado para ter sua primeira frota de minicabs elétricos lançados no próximo ano.
 
Três Cidades Sustentáveis em ascensão
Uma rápida viagem ao redor do mundo, olhando para três cidades sustentáveis ​​em ascensão e o que elas estão fazendo para se tornarem mais sustentáveis
 
Como a Política Nacional de Resíduos Sólidos está sendo implementada
Implementação de legislação voltada para a gestão de resíduos sólidos é tema de entrevista com Samyra Crespo, secretária de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental do Ministério do Meio Ambiente
 
Cidades digitais: pregão acontece no dia 09 de outubro
O Ministério das Comunicações faz no próximo 9/10 o pregão eletrônico para contratação das empresas responsáveis pela implantação das redes para 80 Cidades Digitais
 
Cidades Inteligentes
Cidades como Madrid, Barcelona, ​​Málaga e Santander já tem projetos em andamento para se tornarem Cidades Inteligentes.
 
As cidades do futuro vão ser cultivadas, não construídas
"Se não tivéssemos Júlio Verne especulando sobre ir para a Lua, não teríamos os engenheiros da Nasa trabalhando no projeto até os dias de hoje. Usamos essa narrativa como inspiração."
 
Belém sediará o Seminário Nacional de Parques Tecnológicos em 2014
O Seminário Nacional de Parques Tecnológicos e Incubadoras de Empresas e o Workshop Anprotec são iniciativas impulsionadoras do movimento de empreendedorismo inovador
 
Construção do futuro é tema do ENINC 2012, que começa nesta quinta-feira
Palestrantes do Brasil, Japão, Itália e Inglaterra vão traçar um perfil das tendências para o setor construtor
 
Começa o Solar Decathlon Europe 2012 na Espanha
Protótipos de 19 equipes para casas sustentáveis participarão da competição até 30 de setembro. Conheça as propostas
 
GBC Brasil apresenta referencial para a construção de residências sustentáveis
Em fase piloto, projeto quer criar parâmetros de sustentabilidade para casas de diversos tamanhos no Brasil
 
TEDx Pelourinho sediará debate por Cidades Inteligentes
Na segunda edição do evento, soteropolitanos e demais participantes poderão conhecer e debater novas fórmulas e alternativas para transformar as cidades.
 
Novo quadro regulatório para a mobilidade eléctrica
As novas disposições foram publicadas em Diário da República em Agosto último, à qual foi hoje acrescentada uma rectificação.
       
O evento segue a programação das reuniões em sete capitais do Brasil, para promover uma discussão nacional a ser levada também para o âmbito internacional
 
Por:
Fonte:d24am
Data: 27/11/2012
 
Manaus sedia 3º Encontro Preparatório para o Fórum Mundial de Ciência 2013